Ads  

No último dia, 22/08, o governo federal terminou de pagar a primeira rodada das parcelas de R$ 600 do Auxílio Brasil.

A previsão é que a segunda rodada comece a ser paga no dia 19 de setembro isso, se não houver antecipação, como ocorreu neste mês agosto. Os primeiros a receber serão os beneficiários que possuem o Número de Identificação Social (NIS) com final 1. Os segurados também irão receber no mesmo dia o vale-gás com valor integral do botijão.

Os pagamentos ocorrerão até o dia 30 de setembro. Confira o calendário abaixo:

  Ads  
Fonte: Caixa Econômica Federal

O Ministério da Cidadania ainda não informou o número de beneficiários de setembro. Em agosto um total de 20,2 milhões de pessoas em condição de vulnerabilidade social receberam o mínimo de R$ 600 do Auxílio Brasil.

Lembramos que o adicional de R$ 200 para o Auxílio Brasil, que eleva o valor mínimo do benefício de R$ 400 para R$ 600, será válido entre agosto e dezembro de 2022. Esse acréscimo de valor está dentro da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) e prevê gastos de R$ 41,2 bilhões em medidas de auxílio à população pobre e a algumas categorias profissionais.

O Auxílio Brasil é destinado:

  Ads  

A famílias em situação de extrema pobreza. Famílias em situação de pobreza também podem receber, desde que tenham, entre seus membros, gestantes ou pessoas com menos de 21 anos.

As famílias em situação de extrema pobreza são aquelas que possuem renda familiar mensal per capita de até R$ 105, e as em situação de pobreza renda familiar mensal per capita entre R$ 105,01 e R$ 210.

Para receber?

  • Se já tinha o Bolsa Família: Auxílio Brasil será pago automaticamente;
  • Se está no CadÚnico, mas não recebia o Bolsa Família: vai para a lista de reserva;
  • Se não está no CadÚnico: é preciso buscar um Cras para registro, sem garantia de receber.

Todavia, somente a inscrição não garante a entrada no programa. As famílias passam ainda por uma seleção feita pelo sistema informatizado da Dataprev que leva em consideração, além das regras do programa, a quantidade de famílias atendidas no município e o limite orçamentário destinado ao Auxílio Brasil.

Além disso, para receber o auxílio, o governo irá manter a inscrição no Cadastro Único como forma principal de seleção dos beneficiários.

Como posso consultar?

A forma de consulta do Auxílio Brasil é pelo aplicativo do programa. O app do programa social está disponível para celulares Android e para smartphones com sistema iOS e foi desenvolvido pela Caixa.

  Ads  

O valor depositado fica disponível para saque por 120 dias após a data indicada no calendário. Os beneficiários devem conferir no extrato de pagamento a “Mensagem Auxílio Brasil”, com o valor do benefício. Caso não aconteça o saque do valor neste prazo, ele volta para a União.

O governo disponibiliza vários canais de atendimento para tirar dúvidas. Confira:

  • O beneficiário pode ligar no telefone 121, do Ministério da Cidadania, para saber se tem direito ao Auxílio Brasil e o valor que será pago;
  • Também é possível obter informações sobre o benefício na Central de atendimento da Caixa, pelo telefone 111;
  • No aplicativo Auxílio Brasil (disponível para download gratuitamente para Android e iOS), é possível fazer o login utilizando a senha do Caixa Tem. Caso não tenha, basta efetuar um cadastro;
  • No aplicativo Caixa Tem poderão ser consultadas informações sobre o benefício, como saldo e pagamento de parcelas.

Saída do programa

O Auxílio Brasil promete manter as famílias como beneficiários por mais até 24 meses caso a renda supere o limite para enquadramento no programa. No Bolsa Família, esse prazo é inexistente.

  Ads